Tag: geek

São coisas diferentes…não se vê logo?

Faz lembrar também:

– as manifs que interessam (M12M) vs as que não interessa (CGTP)
– as independências que interessam (Kosovo, Chechénia , Tibete) vs as que não interessam (País Basco, Catalunha, Sahara Ocidental, etc, etc)

Entre muitas outras coisas que a nomenclatura mediática escolhe para nós nos preocuparmos (ou nem sequer sabermos porque “não vale a pena”)

Ultima ceia…

image

Desta década pessoal…  Na comunidade Hindu de Lisboa…  Ainda por cima comida vegetariana… E…  Ainda por cima…  Óptima!  Recomendo!

Telejornais ou Tele-lavagem-cerebral

Sem dúvida que os mass media sempre foram utilizados para puxar a opinião pública neste ou naquele sentido, respeitando sempre,como é obvio, a voz do dono – mas, nos últimos tempos, com a “crise” que nos caiu em cima, os media nacionais passaram a um estado de delirio com a situação…

Todos os dias somos bombardeados com reportagens sobre a crise, é-nos mostrado como “nunca se viu nada assim”, como o comércio nunca vendeu tão pouco, como nunca houve tanta gente a dever tanto à banca…? Mentiras? Claro que não! Mas todos os dias, em todos os canais, múltiplas reportagens que nos tentam mostrar como nós (o público em geral) tem de ter cuidadinho, ficar feliz por ter (quem tem) um emprego, estar caladinho, porque, no fundo a culpa de tudo isto até é nossa, porque vivemos “acima das nossas possibilidades” (cof).

Ontem o meu vomitómetro chegou a um máximo, quando, numa reportagem sobre a proposta do Governo de aumentar o prazo máximo para contratos a prazo, a reporter da RTP1 nos explicou que esta proposta faria com que, as empresas não fossem obrigadas a despedir quem terminava o prazo máximo de contratos a prazo… ora… legalmente o que se passa é precisamente o contrário : quando ultrapassado esse prazo, o contrato passa a termo incerto, ou seja definitivo.

Quando é que os media vão deixar de utilizar Novilíngua e deixar de chamar aos direitos, privilégios? Aos trabalhadores, colaboradores?

World’s Best Big Brother

 

“Comissão Nacional de Protecção de Dados considera compromisso inconstitucional – Parlamento disse sim à partilha de dados biométricos com os EUA” [ Público ]

+

“O cidadão norte-americano detido pela PJ que estava em Portugal há mais de duas décadas era tido como natural da Guiné-Bissau e tinha Bilhete de Identidade português” [ Público ]

=

“United States officials worked with Portuguese authorities to follow that lead, using the Portuguese national identity database, which includes fingerprints. The fingerprints that the authorities in the United States had for Mr. Wright matched prints on file from Mr. Dos Santos, Mr. Schroeder said.” [ NY Times ]

?

[E já agora, porque é que os jornais dão tanto destaque ao facto de o Mr. Wright ser um homicida, e pouco destaque dão a que ele era um activista politico? E que os seus restantes companheiros, presos em França não foram extraditados para os EUA precisamente por causa disso?]

Flickr para Android

A Yahoo finalmente decidiu lançar a aplicação de Flickr para Android…

Infelizmente achou por bem limitar a lista de países em que esta está disponível.

Deixo aqui o link para o apk para quem estiver interessado em instalar – http://bit.ly/apkflickr

O insustentável peso da burocracia (e a maçaneta desaparecida)

Por vezes vemo-nos envolvidos em teias de confusão que nos tiram um bocadinho da confiança que se tem na espécie humana… Assaltos, esquadras com processos caóticos, vizinhos non-sense… Mas, como não sou o melhor para explicar a situação que nos aconteceu desta vez… fica o linkhttp://rabujices.wordpress.com/2011/09/23/o-insustentavel-peso-da-burocracia.

Os vidros do carro nunca vamos recuperar… a maçaneta… só o futuro sabe !

Nem mais…

Goldman Sachs rules the world…

As garras do Capital (aka “mercados”) cada vez mais afiadas e descaradas…

Not Google+

Nos últimos dias o Google+ foi aberto ao público tendo deixado de ser necessário um convite para ser membro…
Infelizmente, em termos da experiência que tenho tido com o serviço, isso apenas quis dizer que dezenas de pessoas (?) que não faço ideia quem sejam me adicionaram em círculos…
Do outro lado da barricada, o Facebook continua a alterar o seu aspecto de 24 em 24 horas, originando ondas de grupos do estilo “Queremos o antigo Facebook de volta” (o que não deixa de ser peculiar tendo em conta que essas devem ser as mesmas pessoas que criaram grupos similares nas alterações anteriores…) e confundindo todo e qualquer utilizador normal do serviço… isto tudo para implementar (cof…copiar) as soluções de organização do Google+.

E enquanto o Diaspora (ou qualquer outro) não ganha relevo nesta guerra… sugiro que adiram ao “Not Google+” :

http://www.collegehumor.com/video/6611967/not-google-plus

(reparem no gag “small portuguese child”)

World of Class Warfare

Infelizmente a realidade portuguesa cada vez mais copia os maus exemplos da norte-americana…

Reparem como algumas das expressões da Fox também se começam a ouvir nos nossos media…

Older posts

© 2018 E. Balsa

Theme based on hemingway and unoUp ↑