Lábios de Mosto – Pior restaurante de Lisboa?

Nota prévia – sou geralmente bastante avesso a “menus de grupo” porque sei sempre de antemão que vou pagar muito e comer mal…

Mas nunca pensei não chegar a comer – e infelizmente este restaurante (ali mesmo ao lado do Carmo) foi o primeiro restaurante em que fui incapaz de comer o que me foi servido (e não, não estava mal disposto, doente, ou outra coisa qualquer…) – seria de esperar mais de um restaurante que tira (rouba?) o seu nome a uma música como a Desfolhada – e que se apelida de “Restaurante e Galeria” sendo que galeria…só se for de horrores… e restaurante… não é por certo.

Na altura da experiencia decidi não colocar logo um post no blog…mas..passadas algumas semanas, deixo-vos com a review que deixei no google maps e com outras pérolas que fui achando por ai…

“A comida era de gosto duvidoso. Quando reclamei responderam-me de forma rispida e mal educada. Quem se seguiu para esclarecer a situação de pouco ajudou porque “a comida estava estipulada”. Apenas na 3a interacção se ofereceram para trazer outro prato diferente – prato esse que vinha sem sal (ou sabor nenhum). Único ponto positivo da noite – fiquei a saber que é possivel fazer carne grelhada sem nenhum sabor. Outros apontamentos : a sala onde ficámos era encostada às casas de banho – com cheiro a condizer. Quem servia tornou toda a noite uma aventura para não se levar com pratos. Um dos telemoveis ainda levou banho.”

Links:

Google Places (já com algumas reviews interessantes)

Blog Guedelhudos (inclui ameaças de uma “dra” que supostamente representa a empresa)

Escape (com mais comentários – incluindo intoxicação alimentar)

Directorio (mais e mais comentários)

Espero ter mostrado o suficiente para que nunca ponham lá os pés…

Update 

Num comentário num dos links que indiquei acima foi reportado o seguinte :
“FINALMENTE E PARA AGRADO DE TODOS O “RESTAURANTE” que de restaurante só tem o nome, FOI FECHADO COM PENHORA DO TRIBUNAL E REMOÇÃO DE TODOS OS BENS.
AFINAL A DONA, ALÉM DO PÉSSIMO SERVIÇO QUE PRESTAVA AINDA POR CIMA NÃO PAGAVA A NINGUEM. QUEM ASSISTIU DIZ QUE A PORCARIA CHEGAVA AO TETO SOBRETUDO NA COZINHA, SÓ DE PENSAR QUE LÁ COMI ATÉ ME REVOLTA. NÃO HÁ DIREITO.
ANA MARIA SILVA”

Sinceramente isto é para mim um alivio imenso.

12 Comments

  1. Alex Ferreira

    2012/01/11 at 11:42

    Quando for assim, pede o livro de reclamações.
    Está bem explicito na lei que não podem recusar. Se o fizerem chamas um agente da autoridade (PSP/GNR/policia municipal), que toma conta da ocorrência e obriga ao fornecimento do livro.
    A autoridade competente para receber e fiscalizar as reclamações da restauração é a ASAE, pelo que o procedimento atrás referido, não dispensa uma denuncia directa à mesma.
    Parece-me um restaurante que está a pedir uma de duas coisas, falência ou fecho compulsivo.
    Aqui no norte, de forma geral não há serviço tão mau. É que a oferta é muita e a clientela pouca.
    Quando muito podemos ter a falta de higiene nas cozinhas, mas isso só uma fiscalização mais apertada da ASAE pode eliminar.

  2. Daniel Vieira

    2012/01/11 at 15:33

    averso ou avesso ?

  3. @Daniel > Corrigido
    @Alex > Inicialmente pedi o livro de reclamações, mas, como disse, tratava-se de um jantar de grupo e não quis fazer uma “cena”. Só deixei de pedir o livro de reclamações quando me trouxeram o 2º prato (isto uns 50 minutos depois de ter mandado o prato para trás) e… face à qualidade do 2o prato (péssimo, péssimo….) decidi mesmo estar quieto… tive foi pena dos meus €15

  4. Pelos comentários que li nesses links, o cidadão comum tem medo de pedir o livro de reclamações. Se o restaurante é assim tão mau porque vêm só para os blogs lavar a roupa suja?!

  5. @atento sinceramente não tenho medo – e já pedi em diversas outras ocasiões. sei que o que ia escrever no livro não seria alvo de nenhuma atenção por ser algo completamente subjectivo. Receberia a carta de “caso arquivado” da ASAE ao final de alguns meses.
    Tendo em conta o quão mau achei o restaurante achei que seria melhor serviço público difundir esta informação – foi algo que fiz depois de pensar na questão (tal como disse no 1o parágrafo)…

  6. Vicente de Lisboa

    2012/02/02 at 12:32

    A critica é parcialmente injusta – fazer carne grelhada que sabe a água é certamente sinal de talento culinário, ou mesmo de génio!

  7. cagalhao pimpao

    2012/04/01 at 18:52

    E’ assim tao mau este restaurante? Parece que servem cagalhoes frescos da casa de banho

  8. Ler o seu omentário fez-me reviver o meu jantar desta noite nesse restaurante. Por ter esplanda, fui tentada a sentar-me. Foi a primeira e a última vez. Paguei 20 euros por uma espetada de lulas que estavam cozidas e insípidas, uma amiga comeu um bife da vazia com molho de café mas que sabia a musse de chocolate alsa e para terminar serviram-nos uma sangria branca que sabia a água-mel. Tenebrosa experiência.

  9. Confirmo a má qualidade de tudo, desde a dona, aos preços, a ementa pobre, a quantidade de comida é ridicula e mal confecionada, antipatia por parte de todos. Horrivel mesmo. Nunca lá ponham os pés, mas já houvi dizer que aAsae fechou aquilo a pouco tempo por falta de condicoes e esta fechado. Deviam fazer isso a tantos sitios por essa lisboa fora.

  10. Amo-te Teresa

    2012/11/28 at 04:32

    que nojo alguns restaurantes!!! vc que tiveram ma’ experiencia neste “estabelicimento” podem recomendar um bom restaurante em lisboa? tipo nao mais que 30 euros por pessoa, tipo sitio bom pra levar uma gaja e depois ter garantido uma boa noite? percebem?

  11. Confirmo. FECHOU MESMO :)))))
    mas atenção que a dona já está a preparar/ se pra dar a cana outra vez, quer dizer, primeiro abre insolvencia e fica a trabalhar na mesma, so pra não pagar a quem devia. Um empregado conseguiu fechar lhe a casa e tirar tudo de lá com a policia e o tribunal e a ASAE.
    Mas como de esoertos tá o país cheio a Dra advogada já tá com planos de reabrir depois de pintar paredes.
    Apelo a um boicote e vamos continuar a denunciar estas pouca vergonhas de chicos espertos que levam à ruina a credibilidade na justiça.
    Rafaela

Leave a Reply

© 2018 E. Balsa

Theme based on hemingway and unoUp ↑

%d bloggers like this: